26 de agosto de 2013

OS DONS INFUSOS DO ESPÍRITO SANTO

D O M     D A      P I E D A D E
 O pecado das origens rompeu nosso relacionamento com Deus, nos des+ligou de Deus. Perdemos a consciência da paternidade divina a todo relacionamento de filhos para com o seu Pai.  Com isto, e por isto surgiu toda dificuldade de relacionamento com os irmãos-homens. O pecado original nos deixou uma sensação de orfandade, de solidão e de isolamentos
 Se é verdade que somos seres sociais, precisamos, por isto, de comunicarão com Deus e com os homens. Se é verdade que a caridade cristã é comunhão com Deus e com os semelhantes, também é verdade que temos muitas dificuldades no relacionamento com Deus e com os homens.
Aquela amizade=amor profundo que levaria a um relacionamento primoroso com Deus e com os irmãos foi abalada pelo pecado das origens. E quanto empenho precisamos fazer para conseguirmos re-criar uma real amizade com Deus e com os semelhantes.
Mas  o Espírito Santo vem em nosso socorro, vem reconstruir o que o pecado destruiu. Vem nos dar, pelo dom de PIEDADE, nova capacidade interior, interesse e satisfação, para recriar, com Deus e com os irmãos novos laços profundos de amor.
O DOM DA  PIEDADE:
 - Piedade não é sinônimo  de compaixão, pena, dó,  sofrimento com os outros.   
-  Não  é, também,  só, a facilidade para orar... (pessoa piedosa)
PIEDADE é aquela consciência, aquela certeza interior, aquele espírito  interior feliz, porque DEUS É PAI, ótimo Pai, meu Pai, nosso Pai, Pai de todos. E por ser  Pai de todos, vibramos com a realidade de que somos todos irmãos. E porque Deus é ótimo Pai que nos ama com amor infinito, e porque somos todos irmãos, passamos a perceber “no coração” a presença do amor experiencial a Deus e aos irmãos.
 O Espírito Santo nos dá o dom de PIEDADE como um MODO DlVlNO, no relacionamento com Deus a com os irmãos, tornando este relacionamento profundo e perfeito, tornando-o, amor comunicante.
 Em primeiro lugar, a PIEDADE estabelece, com perfeição, nossas relações com Deus: recebemos o espírito de adoção, pelo qual clamamos ABA, isto é: PAI !  Por este dom, o Espírito Santo. nos mostra e convence que Deus é Pai ... e nos faz chegar a experiência pessoal do AMOR PATERNAL DE DEUS.Pela PIEDADE o Espírito Santo. nos reconstrói e devolve aos nossos corações aquele afeto filial para com o Pai; por sentirmo-nos filhos, ocupamo-nos com amor no relacionamento com Ele.
Possuindo o dom da PIEDADE não nos fixamos nos benefícios recebidos do Pai... não há um amor-interesse. Olhamos, sim, Só COM  AMOR, sem interesse. Olhamo-lo como Ele é...para aquilo que Ele é.
O exercício desse dom nos leva a proclamar Sua honra, Sua glória, Seu amor; e nos leva a oferecer-lhe tudo o que somos e temos
Em segundo lugar, pelo dom da PIEDADE, O Espírito Santo nos leva  como por conseqüência a sentirmos interesse particular, singular, generoso, para com todos os irmãos. - Porque Deus é nosso Pai,  SOMOS TODOS IRMÃOS. A fraternidade começa aqui!

1 Comentários:

Anonymous yanese disse...

Excelentet

29 de agosto de 2013 17:17  

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial