11 de dezembro de 2013

P R I M E I R O D I A: - 12/12

SITUAÇÃO ATUAL DO NATAL

            Vamos nos preparar para o Santo Natal. Natal é a festa em que nós, católicos  nos queremos unir para festejar o aniversário, e realizar o novo nascimento espiritual de Jesus Cristo, nosso Salvador. Natal é a festa da alegria, da paz e do amor, porque Jesus nasceu, e quer nascer e crescer espiritualmente em cada um de nós.
             Natal é nossa festa, porque Jesus quer unir todos os homens e mulheres numa grande família, que se ama, se ajuda, se protege, e vive em paz e amor. Em Belém, Jesus não encontrou um lugar numa hospedaria ou numa casa de família para ali nascer. Que nossas famílias e nossas pessoas estejam abertas e preparadas para receber Jesus Cristo neste Natal.

ORAÇÃO: 
Ó Jesus ressuscitado, / no dia do Natal nascentes da Virgem Maria, / viestes nos ensinar os caminhos do amor, / e  quereis nos salvar para uma vida eterna nos Céus. / Quando nascestes / tivestes que nascer na fria gruta de Belém. / Agora que vindes de novo / neste de Natal / nós queremos receber-vos muito bem. / Queremos aceitar-vos como nosso Salvador / e queremos ouvir / aceitar e viver ainda melhor / os vossos  ensinamentos.
Vinde, Senhor Jesus / nossas casas estão abertas.
Vinde, Senhor Jesus / nossas vidas estão abertas.
Vinde, Senhor Jesus / estamos à vossa espera.

Leitura do Evangelho Segundo São Lucas.
No sexto mês, o anjo Gabriel foi enviado por Deus a uma cidade da Galiléia, chamada Nazaré, a uma virgem desposada com um homem que se chamava José, da casa de Davi e o nome da virgem era Maria. Entrando, o anjo disse-lhe: Ave, cheia de graça, o Senhor é contigo. Perturbou-se ela com estas palavras e pôs-se a pensar no que significaria semelhante saudação. O anjo disse-lhe: Não temas, Maria, pois encontraste graça diante de Deus.
Eis que conceberás e darás à luz um filho, e lhe porás o nome de Jesus. Ele será grande e chamar-se-á Filho do Altíssimo, e o Senhor Deus lhe dará o trono de seu pai Davi; e reinará eternamente na casa de Jacó, e o seu reino não terá fim. Maria perguntou ao anjo: Como se fará isso, pois não conheço homem? Respondeu-lhe o anjo: O Espírito Santo descerá sobre ti, e a força do Altíssimo te envolverá com a sua sombra. Por isso o ente santo que nascer de ti será chamado Filho de Deus. Também Isabel, tua parenta, até ela concebeu um filho na sua velhice; e já está no sexto mês aquela que é tida por estéril, porque a Deus nenhuma coisa é impossível. Então disse Maria: Eis aqui a serva do Senhor. Faça-se em mim segundo a tua palavra. E o anjo afastou-se dela. (Lc 1, 26-38)

Prezados amigos.
      Neste primeiro dia de nossa novena de preparação para o Natal, queremos relembrar como se festeja o Natal, entre nós. Queremos, como que, fazer uma fotografia do Natal dos anos passados, e depois, analisá-la com olhares cristãos.
       Já em fins de novembro e começo de dezembro, todo mundo se preocupa com as compras de Natal. Móveis novos, roupas, TVs, brinquedos para as crianças, cartões, presentes de toda espécie, árvores de Natal, luzes, presépios. Pais comprando presentes para seus filhos. Namorados preparando surpresas uns para os outros. Marido e esposa comprando presentes um para o outro. Pais e filhos adquirindo presentes que agradem, e que demonstrem amor e gratidão. Amigos enviando presentes, brindes, cartões, telegramas a seus amigos. Em todas as famílias, preocupações com roupas, comidas, bebidas, ceias natalinas, jantares, convites, surpresas...  É a correria do Natal. É a fotografia do Natal.
        Vamos parar para examiná-la. Por que essa correria toda? Por que tudo isto no Natal? Por que justamente no dia 25 de dezembro? Não seria melhor e mais apropriado fazer tal festa no dia 1º do ano? 
        Natal.  Que é o Natal para provocar toda essa movimentação nas famílias, nas pessoas, no comércio, na sociedade? Que é o Natal para despertar tantos festejos, tanta alegria, tantas confraternizações?
     Poderíamos dar várias respostas: Porque é uma antiga e bela tradição cristã! Porque é muito lindo este dia, pela alegria das crianças que recebem presentes. Porque é festa de paz e amor.
   Meus amigos, essas respostas – bem examinadas - não revelam a verdadeira realidade do Natal!  Poucos, pouquíssimos conhecem o sentido do Natal. Poucos sabem por que se dá presentes... por que armamos as arvores de Natal... por que bolas coloridas, nozes, luzes, estrelas, ceias etc.
     A verdade é que, infelizmente, o Natal perdeu todo o seu sentido cristão. A festa do Natal esvaziou-se. O sentido do Natal foi perdido. O Natal foi comercializado. 
É verdade que o Natal ainda é uma festa de alegrias, de confraternizações familiares, de felicidade das crianças por causa dos presentes. Mas os presentes são oferecidos sem se saber o porquê. As ceias, os jantares, as compras feitas, já não tem uma motivação ligada ao sentido verdadeiro do Natal. E para muita gente Natal é apenas uma oportunidade de comer, de beber,  e até de farras e bebedeiras.
     Diante dessa realidade, chegamos facilmente à conclusão que o Natal perdeu o seu sentido cristão. O Natal tornou-se uma festa profana. Não se conhece mais o sentido verdadeiro do Natal. Mesmo a maior parte dos católicos - sejamos sinceros – desconhece o significado do Natal, e não o celebra de modo cristão.   
É por isto que nós iniciamos esta novena para a cristianização do nosso Natal. Queremos dar à festa do Natal o verdadeiro sentido cristão que ela deve ter. Queremos preparar esta festa num clima de espiritualidade e de alegria cristãs. Durante nove dias, parte por parte, vamos recordar e reaprender todo o sentido cristão desta festa tão linda e maravilhosa.
     Comecemos. Natal! Que significa esta palavra? Ela vem de «nascer», de «nascimento». Natal é a festa do nascimento de alguém. Realmente, Natal é a festa do nascimento de Jesus Cristo, Filho de Deus, nosso Salvador, que se tornou um homem, para viver como os homens, a fim de salvá-los. O Natal, pois, é a festa do nascimento e do aniversário de Jesus Cristo, filho de Nossa Senhora, concebido por milagre do Espírito Santo, nascido em Belém, pobre e humilde, mas nascido como Salvador de todos os seres humanos.
Nós festejamos e comemoramos muitos aniversários: o nosso, o de nossos pais e irmãos, esposo, esposa, filhos, netos, amigos etc. É importante e justo celebrar, também, com toda solenidade e alegria, o aniversário de Jesus Cristo. Tanto mais que Ele é nosso Salvador e amigo, que se fez nosso irmão,e morreu para nossa salvação eterna.   
Vamos reafirmar: O Natal é a festa do nascimento e do aniversário de Jesus. Devemos, pois  festejar Jesus vivo com muita alegria, com uma belíssima festa. Ele bem o merece!
     As árvores coloridas e luminosas, os presentes, as roupas novas, tudo enfim deve lembrar que Jesus  nasceu, que Ele está conosco, que Ele nos ama, e que Ele é nosso Salvador pessoal. O Natal é festa de alegrias, de celebrações e confraternizações, de presentes, de amor, de paz e de felicidade porque nasceu Jesus Cristo; porque é seu aniversário; porque marcou o começo de nossa salvação. Neste Natal, Jesus vem de novo! Preparemos nossos corações para recebê-lo.
Vinde, Senhor Jesus! Vinde novamente neste santo Natal.

Oração: Elevemos nossa voz para pedir a Jesus que venha novamente neste Natal, para aumentar nossa fé em sua pessoa, bem como para dar-nos força na luta pela nossa salvação.  Após cada pedido digam: 
Vinde novamente, Jesus, / vinde no Santo Natal.

l. Para iluminar ainda mais a vossa Igreja, para proteger o Santo Padre, o Papa...., para proteger e guiar o nosso bispo Dom.., e os padres que trabalham em nossa comunidade, vinde Jesus.
Todos: Vinde novamente, Jesus, / vinde no Santo Natal.
2. Para abençoar nossas famílias, e para que haja paz, amor e compreensão entre os esposos, pais e filhos, patrões e empregados, vinde Jesus.
3. Para termos coragem e força para abrirmos nossos corações e nossas vidas para a vossa vinda, neste Natal, vinde Jesus.
4. Para que tenhamos boa vontade para prepararmo-nos muito bem para o vosso Natal, vinde Jesus.
5. Para trazer paz à terra, cheia de guerras e ódios, de maldade, fome, ignorância e exploração, vinde Jesus.
6. Para dar alívio e força a todos os que sofrem de toda espécie de doenças, de problemas ou de situações do sofrimentos, vinde Jesus.
7. Para converter os pecadores, abrir os olhos aos que erram, para que voltem a uma vida de bem, vinde Jesus.

Animador: Oração:
             Senhor Jesus Cristo, que nascestes entre nós para vos tornardes em tudo igual a nós, menos no pecado, vinde novamente neste Natal. Queremos nos preparar dignamente para receber-vos com fé e amor. Vinde, Jesus, nós vos aguardamos com ansiedade. Só em vós está a nossa vida e a nossa salvação.
            Maria, mãe de Jesus e nossa mãe, preparai nossas vidas como preparastes a vossa, para a chegada de Jesus. Ajudai-nos a abrir os nossos corações para o vosso Filhos. Amém.



1 Comentários:

Anonymous yanese disse...

Obrigado Senhor Jesus por mais uma vez poder me preparar melhor para o Santo Natal.

12 de dezembro de 2013 23:46  

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial